SAAE - Portal da Transparência - Prefeitura Municipal de Governador Valadares

Você sabia?
Painel do site
Imprimir Email

Institucional

História

por Assessoria de Imprensa

01/07/2014 17:41

A criação do Serviço Autônomo de Água e Esgoto - SAAE

Em 1943 a população da Sede Urbana era de aproximadamente de 1.000 habitantes, número que passou a 10.000 em 1945, ano que o Município construiu uma captação de água no Rio Doce, e um pequeno sistema de distribuição e reservação de água bruta, que era levada aos domicílios, porém sem nenhum tipo de tratamento.


Em 1946, os técnicos do SESP (Serviço Especial de Saúde Pública), órgão do Governo Federal criado em parceria com o Governo dos Estados Unidos da America, que atuava nas áreas de saúde e saneamento, principalmente nos Vales do Rio Doce e do Rio Amazonas, e promovendo o saneamento das bases militares Norte Americanas existentes no Brasil, executaram melhorias no sistema de abastecimento de água. Foi então construída uma galeria de infiltração, paralela ao Rio Doce, que obtinha água percolada através das camadas filtrantes, por intermédio de 250 metros de galerias e poços coletores, espaçados de 50 em 50 metros, interligados e levando a um poço final, onde a água era recalcada para o sistema.


Em abril de 1947, ainda com o apoio do SESP, tendo em vista o baixo rendimento da galeria de infiltração, iniciaram-se os estudos de ampliação da Estação de Tratamento de água (ETA), objetivando o tratamento convencional da água do Rio Doce. Em maio do mesmo ano iniciou-se a coloração das águas do sistema, além de ampliar o horário de funcionamento para 24 horas.
Em janeiro de 1948 iniciou-se a construção da ETA. Em agosto do mesmo ano os decantadores já estavam construídos e revestidos. A casa de Química ficou concluída em março de 1949 e em julho a ETA, inteiramente concluída, entrou em plena operação fornecendo água tratada durante 24 horas por dia à população da cidade.


Um grande desafio passaria então a ser enfrentado. A reposição dos bens depreciados, a manutenção e a operação do sistema de abastecimento de água construído era um problema para o qual a grande maioria dos municípios brasileiros não estava preparada àquela época. Foi então, que de forma pioneira, o Município com o auxílio do SESP criou o primeiro Serviço Autônomo de Água e Esgoto (SAAE) do País, em 14 de novembro de 1952. Este modelo de gestão foi exportado para outros municípios brasileiros e inspiraram a criação, ainda no final da década que se iniciou em 1950, de companhias regionais de saneamento, que por sua vez deram origem as companhias estaduais de saneamento criadas a partir de 1970.


Da década de 1950 até os dias de hoje, o sistema de tratamento de água passou por inúmeras ampliações, mas a ETA principal da Sede Urbana ainda permanece no mesmo local e o Rio Doce continua sendo o principal manancial da cidade. O Sistema de abastecimento de água é ainda reforçado por três outras estações de tratamento de água.


O SAAE também opera sistemas de abastecimento de água nas vilas, sede dos Distritos, e principais povoados: Alto Santa Helena, Baguari, Brejaubinha, Chonim de Baixo, Chonim de Cima, Nova Floresta, Penha do Cassiano, Pontal, Santo António do Porto, São José do Itapinoã e São Vitor.


 



Galerias de Imagens

Matérias relacionadas

    Final do corpo do documento e conteúdo da página